Managing Anxiety in Lockdown

As the weeks go by and we stay in lockdown in the UK, I’ve been finding myself feeling more anxious and just overall down.

Com o passar das semanas e a continuação do lockdown no Reino Unido, tenho dado por mim mais em baixo e a sentir mais ansiedade.

Taking my medication correctly and talking to my therapist regularly help, of course, but sometimes I just need little things to get me by day-to-day.

Tomar os medicamentos certinhos e falar com o meu psicólogo com regularidade ajuda, claro, mas às vezes preciso de coisas mais pequenas para me ajudar no dia-a-dia.

Here’s what’s worked…

Isto é o que tem funcionado para mim…

Flowers / Flores

I’ve made it a point to always have a bouquet of fresh flowers in the house – the scent is so wonderful that it distracts me, and the colours have also given me inspiration for photos and even to decorate the house. The time I spend caring for the flowers (usually with a playlist in the background) is focused only on the task at hand, and that really helps.

Nas últimas semanas fiz questão de ter sempre um bouquet de flores em casa – o aroma é tão bom que me distrai e as cores ainda me deram inspiração para fotografias e até para decorar a casa. No tempo que passo a arranjar as flores (normalmente com música de fundo) foco-me só na tarefa que tenho à frente, e isso ajuda imenso.

Walks / Passeios

The government sanctioned daily walk has been a real blessing in these weird times. When the day is nice (and I feel like it!) I get myself ready, put a podcast on, and head to the Thames Path for a walk. I focus on what I’m hearing, and feel much calmer and relaxed!

Os passeios diários permitidos pelo governo têm sido uma benção nestes tempos estranhos. Quando o dia está bonito (e me apetece) arranjo-me, ponho os phones e um podcast e vou até ao Thames Path dar um passeio. Concentro-me no que vou a ouvir e sinto-me bem mais calma e relaxada!

Talk / Falar

People all deal with the current situation in different ways, and so it’s fine to open up if you feel like you’re struggling. I love talking more often with my parents and sharing random gifs with my bestie on days when I’m feeling more ‘meh’ (for some homely comfort). Even at work I think it’s important to be honest when you’re struggling, and ask for help when needed.

Toda a gente lida com a situação actual de formas diferentes, e por isso não há mal nenhum em desabafar se estivermos a sentir-nos mais em baixo. Quando me sinto assim, gosto de falar mais vezes com os meus pais e de partilhar gifs parvos com a minha melhor amiga (para um bocadinho de conforto). Até no trabalho é bom sermos honestos quando estamos mais em baixo e pedir ajuda quando for preciso.

Self care / Cuidados Pessoais

While at the beginning of lockdown my self care was carefree, all about baking and treating myself, recently it’s changed a bit – and I think that’s really important to mention. These days what makes me feel good is to do a little exercise in the morning, in bouts of 30 seconds, drinking lots of water and cooking (more) balanced meals.

Enquanto no início do lockdown o meu self care era despreocupado, focado em fazer bolos e comer à vontade, mais recentemente mudou – e acho que isso é importante de mencionar. Nos últimos tempos o que me faz sentir bem é fazer um bocadinho de exercício de manhã, em intervalos de 30 segundos, beber muita água e cozinhar refeições (mais) equilibradas.

I think the key is to do what feels right for me, and not force myself to exercise or do whatever it is without feeling it – otherwise I’ll just resent it and won’t do it again. So that’s my best advice, which in all honesty I’ve seen repeated often online these past few months, but it definitely holds true: do what feels right for you. But also be aware of what you’re feeling and don’t try to push it down.

Acho que o que é importante é fazer o que me faz sentir bem e não me forçar a fazer exercício ou que quer que seja quando não me apetece – se o fizer só fico ressentida e não volto a fazer. Por isso esse é o meu melhor conselho, que na verdade tenho visto imenso por essa internet fora, mas não deixa de ser verdade: façam o que vos fizer sentir bem. Mas tenham atenção ao que estão a sentir e não tentem reprimir.

Hope this post has given you some ideas – but mostly that it helps in understanding that if you’re struggling with anxiety in lockdown, you’re most definitely not alone.

Espero que este post vos tenha dado algumas ideias – mas acima de tudo que ajude a perceber que se estiverem a sentir mais ansiedade durante o lockdown, garantidamente não estão sozinhos.

T x

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.