5 reasons to love solo travel

If you saw the post I wrote about the joys of spending time alone, you’ll know I’m a fan of travelling solo. My experiences haven’t included backpacking through distant countries, because that’s not something that particularly floats my boat. But there’s definitely something to be said about (and to be learned on) solo city breaks.

Se tiverem visto o post que escrevi sobre gostar de passar tempo sozinha, saberão que adoro viajar sozinha. As minhas experiências não têm incluído andar de mochila às costas por países distantes, porque isso não é coisa que me agrade particularmente. Mas ainda assim há muito que dizer (e aprender) com viagens a solo por cidades que ainda não conhecemos.


As I prepare to spend a few days in Paris this week, I thought I’d share my favourite things about travelling alone.

Enquanto me preparo para passar uns dias em Paris esta semana, pensei partilhar aqui as minhas coisas preferidas sobre viajar sem companhia.

#1 Easier Planning // Mais fácil de planear

I have a curious nature and so when I know a trip is coming, I will immediately scour Pinterest for the best ideas of things to do in whatever city I’m going to. And because time is limited, I like having a plan set out, to ensure I cover everything I want!

Como sou curiosa por natureza, quando sei que vou a um sítio novo dirijo-me logo ao Pinterest para procurar as melhores ideias do que ver e fazer no meu destino. E como o tempo é limitado, gosto de ter um plano delineado para garantir que vejo tudo o que quero!

While travelling with others, similar as your interests may be, you will always need to compromise. But when you’re travelling with no company you can set your itinerary and then follow it (or not!) as you wish. It’s great if you enjoy, like I do, wandering around the streets of a new city and discovering the less touristy side of it.

Ao viajar com outras pessoas, mesmo que os interesses sejam semelhantes, tem sempre de se chegar a um compromisso. Mas quando viajamos sem companhia podemos decidir o itinerário e depois segui-lo (ou não!) como quisermos. É óptimo se, como eu, gostarem de andar sem rumo pelas ruas de uma nova cidade para descobrir o lado menos turístico.

#2 Self-discovery // Conhecermo-nos melhor

Travelling in itself is a great opportunity to discover new places, cultures and people. But by yourself? Then you can step out of your comfort zone even more, learn how to be by yourself and explore what you truly love.

Viajar em si é uma óptima oportunidade de descobrir novos lugares, culturas e pessoas. Mas viajar a sós? Aí podemos deixar ainda mais a nossa zona de conforto, aprender a estar sozinhos e explorar aquilo que realmente gostamos.

For me, this led me to a better understanding of what I was truly interested in, like breathtaking works of art in historic museums (think Musée d’Orsay or the Louvre), or simply a beautiful door that the sun is hitting just at the right angle. These things motivate me.

Para mim, isto levou a uma melhor compreensão daquilo que me interessava realmente, como obras de arte fabulosas em museus históricos (tipo o Musée d’Orsay ou o Louvre), ou simplesmente uma porta bonita onde o sol bate exactamente no ângulo certo. Estas coisas dão-me motivação.

#3 Practice Languages // Praticar Línguas estrangeiras

If you want to practice a language, going out of the usual learning methods and travelling to a country where they speak it is a great method! Practice does make (almost) perfect in this case – and it’s so worth it!

Se quiserem praticar uma nova língua, sair da aprendizagem habitual e viajar para o país onde a falam é um óptimo método!

I really love being able to practice the languages I speak (some better, some way worse) and travelling really pushes me! Especially when I go to France, I love that I get a little tongue tied for a bit, but then after a while the words start coming back to me, and by the end of the trip, I speak really confidently!

Eu adoro praticar as línguas que falo (umas melhor, outras bem pior) e viajar dá-me o impulso necessário! Especialmente quando vou a França, adoro que fico um bocado bloqueada por um bocadinho, mas depois as palavras começam a voltar à memória e, no final da viagem, já falo com confiança!

#4 Confidence boost // Impulso de Confiança

One thing you will notice about travelling solo is that after a while you will be so much more confident finding your way around by yourself, asking for help or directions and even going out for a drink or meal.

Uma coisa que notamos quando viajamos sozinhos é que depois de um tempo estamos muito mais confiantes para nos orientarmos, pedirmos ajuda ou indicações e mesmo para sair para ir tomar um copo ou jantar fora.

This last aspect is usually the trickiest one, and it was for me too. But after a few times you just go into a restaurant and ask for a table for one without even thinking twice about it. It’s a great opportunity to gather your thoughts from the day, to thoroughly enjoy your meal, and to take in your surroundings (that is, to do some people watching).

Esta última parte é normalmente a mais difícil e foi assim comigo também. Mas depois de umas vezes acabamos por entrar nos restaurantes e pedir uma mesa para uma pessoa sem sequer pensar duas vezes. É uma óptima oportunidade para passar o dia em revista, para apreciar bem a refeição e o ambiente em redor (ou seja, para observar as pessoas à volta).


#5 Meaningful experiencies // Experiências fortes

Everything you experience as you travel is a story you will be able to share when you get back home.

Tudo o que experienciamos ao viajar é uma história que depois podemos contar ao regressar a casa.

And having the opportunity to take in all that a new place has to offer, including culture, food, and meeting new people, is all the more intense when you’re solo, because you have the time to let that sink in. It’s the Sense of adventure, or something you’re doing for yourself that can be shared afterwards that makes it all the more special.

E ter a oportunidade de absorver tudo o que um sítio novo tem para oferecer, incluindo cultura, comida e conhecer novas pessoas, é mais intenso quando estamos sozinhos, já que temos mais tempo para absorver tudo. É a sensação de aventura, de algo que estamos a fazer por nós próprios que depois pode ser partilhado, que torna tudo mais especial.

🚂

Have you ever gone travelling solo? If you did, what was your favourite thing about it? If not, would you consider it? I’d love to know your thoughts!

Alguma vez viajaram sozinhos? Se sim, qual foi a vossa coisa preferida dessa experiência? Se não, consideravam fazê-lo? Adorava saber as vossas opiniões!

T x

1 Comment

  1. João Miranda
    28/03/2017 / 11:29 am

    Absolutamente de acordo!

Leave a Reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.